Bom Gosto

Sem doses para segunda aplicação da CoronaVac, RJ antecipa calendário

Primeira dose para grupos prioritários terá início hoje

Por Valdemar Rocha em 13/05/2021 às 09:22:56
Tânia Rêgo/Agência Brasil

Tânia Rêgo/Agência Brasil

O calend√°rio de vacina√ß√£o contra covid-19 no município do Rio de Janeiro precisou ser modificado por causa do atraso na chegada das doses da CoronaVac, fabricada pelo Instituto Butantan a partir de insumos enviados da China.

A previs√£o era que hoje (13) receberiam a segunda dose os idosos de 64 e 65 anos. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), eles devem completar o esquema vacinal amanh√£. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), o estado do Rio de Janeiro deve receber hoje 184.200 doses da CoronaVac, que ser√£o distribuídas aos municípios.

Com isso, a SMS decidiu antecipar a vacina√ß√£o com a primeira dose para os outros grupos priorit√°rios, que inclui pessoas com comorbidade, com defici√™ncia permanente e guardas municipais envolvidos nas a√ß√Ķes de combate à covid-19 e em contato constante com o público.

Na manh√£ de hoje, devem comparecer aos postos os homens de 48 e 47 anos. De tarde é a vez das mulheres de 47 e 46 anos. Amanh√£, ser√£o vacinados os homens dos grupos priorit√°rios com 46 anos e, no s√°bado, as mulheres de 45 anos. Gestantes e puérperas com comorbidade e pessoas com síndrome de Down e doen√ßa renal crônica em di√°lise a partir dos 18 anos podem tomar a primeira dose em qualquer dia.

Por orienta√ß√£o do Ministério da Saúde, a vacina√ß√£o de gestantes e puérperas com o imunizante da Oxfor/AstraZeneca est√° suspensa. Portanto, segundo a SES, a capital aplicar√° neste grupo a CoronaVac ou a vacina da Pfizer, de acordo com a disponibilidade, enquanto os outros 91 municípios do estado devem utilizar a CoronaVac.

Ainda n√£o h√° defini√ß√£o sobre a aplica√ß√£o da segunda dose para as gestantes e puérperas que receberam a primeira da Oxfor/AstraZeneca. No momento, permanece suspensa.

População geral

Na noite de ontem (12), a prefeitura do Rio de Janeiro anunciou o calendário de vacinação contra a covid-19 para todos os grupos etários, fora das prioridades definidas pelo Programa Nacional de Imunização (PNI).

Se n√£o houver atraso na entrega das doses, a cidade pretende terminar a primeira aplica√ß√£o nos grupos com comorbidade nas próximas duas semanas e ent√£o iniciar a vacina√ß√£o da popula√ß√£o abaixo de 60 anos. O calend√°rio prev√™ um dia para cada idade dividido também por g√™nero.

Em junho, come√ßam a ser vacinadas pessoas entre 59 anos e 51 anos. Em julho, é a vez das pessoas entre 50 anos e 42 anos. Em agosto, ser√£o vacinadas pessoas entre 41 anos e 33 anos. Em setembro, a vacina ser√° aplicada em pessoas entre 33 e 24 anos. E, em outubro, ser√£o imunizados todos entre 24 e 18 anos de idade.

As tabelas completas, com as idades e dias de vacinação, podem ser acessadas na página da prefeitura do Rio.

Edi√ß√£o: Valéria Aguiar

Fonte: Agência Brasil

Comunicar erro
Custo Zero

Coment√°rios